Você sabe identificar os cilindros pelas cores (de acordo com as normas da ABNT)?

Você sabe identificar os cilindros pelas cores (de acordo com as normas da ABNT)?

Hoje vamos dar uma dica super interessante para facilitar o seu entendimento quando o assunto é a identificação dos gases pela cor do cilindro.

Já olhou um cilindro e pensou: “Mas como eu vou saber qual gás ele armazena?” Pois é! Nesse texto de hoje, vamos te ajudar a conhecer um pouco mais sobre as cores de cilindros de gases medicinais, industriais e misturas gasosas.

As cores são extremamente úteis na vida e também no campo industrial, sendo utilizadas para sinalizar, marcar, destacar e também padronizar.

Para aumentar a segurança de um produto, por exemplo, em ambientes industriais é comum o uso de cores como forma de diferenciação, podendo indicar até mesmo o grau de periculosidade de um equipamento, de uma tubulação ou de, em nosso caso, um cilindro que armazena determinado gás.

Pensando nessa organização e fácil reconhecimento, as cores passam a ser aplicadas na indústria de gases, quando a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) padronizou sua aplicação para os cilindros, relacionando-as a cada tipo de gás.

Sendo assim, a pintura dos cilindros passou a ser obrigatória para:

– Gases e misturas de gases para uso medicinal;
– Ar comprimido para aparelhos de respiração autônoma;
– Nitrogênio e Dióxido de carbono para sistemas de combate a incêndio;
– Gases para atividades subaquáticas.

Vamos apresentar então, na prática, como são as cores e como reconhecer os cilindros que são comercializados na Citygás.

Gases industriais: São aqueles fabricados para para uso na indústria.
Os principais gases fornecidos são nitrogênio, oxigênio, dióxido de carbono, argônio, hidrogênio, hélio e acetileno e muito mais….

Gases medicinais: especialmente desenvolvidos para uso em hospitais, clínicas de saúde ou outros locais de interesse à saúde, bem como em tratamentos domiciliares de pacientes. São exemplos: oxigênio medicinal, ar sintético medicinal, óxido nitroso medicinal e dióxido de carbono medicinal.

Misturas gasosas: São todos os gases que estão presentes em nosso cotidiano, como exemplo, o ar que respiramos que contém diversos gases (Nitrogênio (78%), Oxigênio (21%), Argônio (0,9%), Gás Carbônico (0,3%) e ainda pequenas quantidades de gases inertes).
São exemplos de misturas gasosas: oxigênio em hélio, misturas carbogênicas, misturas para soldagem, entre outros.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Veja Mais

GASES PARA A VIDA

Os gases estão tão presentes em nosso dia a dia e muitas vezes não nos damos conta de sua importância e nem da totalidade de

Conversar
💬 Posso ajudar?
Olá 👋
Podemos te ajudar?