SEU CILINDRO ESTÁ COM O TESTE DE SEGURANÇA EM DIA?

SEU CILINDRO ESTÁ COM O TESTE DE SEGURANÇA EM DIA?

Entenda como o teste hidrostático é extremamente importante.

Quando falamos sobre a comercialização de gases, temos que pensar também em toda a segurança da sua estocagem e transporte.
O cilindro é o material que utilizamos para armazenar os gases comprimidos em alta pressão e qualquer vazamento ou instabilidade pode ser perigoso, com riscos de explosões e etc.

Por isso, periodicamente, esses cilindros precisam passar por uma revisão criteriosa, evitando qualquer tipo de acidente indesejado.

Chamamos essa revisão de TESTE DE SEGURANÇA DO CILINDRO ou Teste Hidrostático, que tem como objetivo ​​verificar as condições para enchimento, estrutura do cilindro e a sua resistência à pressão.

Assim é realizada uma série de verificações, externa e internamente, que vai atestar se o cilindro ainda se encontra em condições de uso. Além de verificação da massa, corrosão, rosca, também passa por um teste de pressão, que pode ser feito tanto com água ou apenas adicionando pressão interna dentro do cilindro. Depois de todas as verificações o cilindro pode ser aprovado ou reprovado.

———

A Citygás separou um passo a passo para te ajudar a identificar se o cilindro está em condições ideais de enchimento:

Mês e ano do teste e deverá estar válido: Após revisado, o cilindro recebe uma marcação com o mês e ano que ocorreu esse teste. A validade conta a partir dessa data, pelos próximos 5 ou 10 anos.

Logo da empresa que realizou o teste hidrostático: Você sabia que somente algumas empresas no Brasil são habilitadas para realizar esse teste? Atenção, pois caso a revisão do cilindro de gases de alta pressão seja feita por alguma empresa não habilitada, você pode ter dificuldades de enchimento nos principais fabricantes de gases.

Condições de corrosão do cilindro: Se o cilindro apresentar corrosão em seu corpo, é possível que seja reprovado no teste hidrostático. Para isso, realizam-se verificações de massa e espessura da parede do cilindro.

Verificar que não há nenhum dano físico, como marcas de queimado, ou amassados ou furos/fissuras: Cilindros que possuem amassado, furos/fissura ou queimados são automaticamente reprovados e devem ser automaticamente descartados por apresentarem alto risco de acidentes.

A válvula deve ser do tipo correto, limpa e em boas condições:
Nunca se deve colocar adaptadores ou alterar características iniciais dos cilindros, já que os mesmos vem de fábrica com características (válvulas, roscas…) que são originais e adequadas para aquele tamanho, pressão e tipo de produto.

Nos testes hidrostáticos, são verificadas as conexões de saída das válvulas, contaminação por óleo / graxa e etc, a fim de manter seu funcionamento adequado.

Obs.: Os testes só são realizados em cilindros padronizados de acordo com as normas da ABNT.

———

Nunca encha um cilindro que não tenha sido testado ou examinado no seu interior.
Peça sempre orientação ao seu fornecedor de gases e sempre busque conhecimento sobre este assunto. A sua segurança e a da sua equipe em primeiro lugar!

———

Cuidado com testes adulterados!
Como citamos acima, assim como existem empresas que não são aptas a realizar o teste de segurança, infelizmente também existem as que fazem testes adulterados, o que pode acarretar alto risco para quem manuseia e faz o enchimento dos cilindros. 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Veja Mais

GASES PARA A VIDA

Os gases estão tão presentes em nosso dia a dia e muitas vezes não nos damos conta de sua importância e nem da totalidade de

Conversar
💬 Posso ajudar?
Olá 👋
Podemos te ajudar?